A vida de solteira é ótima


Marisa Fonseca Diniz


Enquanto muitas pessoas ficam desesperadas a procura da sua outra metade nos sites de relacionamento, aplicativos e redes sociais, algumas pessoas, assim como eu, estão mais preocupadas em desenvolver atividades e projetos mais interessantes do que depositar a felicidade em outro alguém que mal sabe que você existe.

Ser solteira é a melhor coisa, pois não há aquela preocupação de ser feliz apenas porque está com outra pessoa, não, felicidade não é depender de outro alguém, é saber que você ama sua própria companhia e que não precisa depender de mais ninguém para se sentir de bem com a vida.

Não há nada melhor do que ser solteira, nada de ficar dando satisfações da sua vida para outro alguém, porque fala a verdade ninguém merece gente te chateando e cobrando pelo que você faz ou deixa de fazer, a vida é sua, e ninguém tem nada a ver com isso.


Ser solteira tem muitas vantagens, você sai de casa quando estiver realmente com vontade, sem ter ninguém te chateado quando você está com vontade de ficar o dia todo desfilando de pijama pela casa. Você cozinha quando quer, sem ter a obrigação de fazer todo dia comida para um batalhão. Você pode sumir por um tempo, e ninguém vai nem notar.


A grana está curta? Que tal fazer um programa grátis sem ter que ficar sendo recriminada por isso? Sabe aqueles aplicativos de descontos? Borá lá aproveitar a vida sem peso na consciência. O custo de vida está alto? Solteira pode mudar para uma casa bem menor porque além das despesas diminuírem não vai ter o problema de ter que repartir seus dramas com ninguém, porque espaços minúsculos são exclusivos para solteiros.

Deu aquela vontade de ir acampar? Vai sem medo de ser feliz sabendo que não vai ter ninguém para te dizer que uma cama macia é muito melhor para dormir. Que tal aproveitar o final de semana para fazer um passeio radical? Além de ter a oportunidade de conhecer pessoas legais, o passeio tende a ser muito mais divertido, não se esqueça de registrar o bom momento com a natureza.


Olhou-se no espelho e quis fazer academia, vai, decidiu comer um pedaço de bolo sem culpa, coma, ser solteira é exatamente isso, não se sentir culpada por fazer o que te faz bem. Não importa a opinião alheia, importa sim aquilo que te faz bem e que te traz paz. A pior coisa que há na vida de um ser humano é viver em função do outro, anulando suas próprias vontades.

Acordou de mau humor? Volta para a cama, durma mais algumas horas porque com certeza irá acordar muito melhor. Viva a vida da melhor maneira possível, a vida de solteira não é festa toda hora, mas sim é o encontro consigo mesma sabendo que você é a sua melhor companhia. Se algum familiar ou colega vier te perguntar sobre os namorados diga que você já se casou faz tempo, mas nunca deixe que eles saibam que você casou consigo mesma.


O bom de ser solteira é que quando vem uma boa proposta de trabalho longe de onde se mora, não precisa ficar na dúvida, pois não há ninguém para te impedir de aceitar as coisas boas da vida. Estude, seja independente, caia no mundo sem o peso de ter deixado alguém para trás.

Ser solteira por opção é saber que não depende de mais ninguém para ser feliz, não há nada mais prazeroso do que a própria companhia. Eu tenho vários amigos solteiros por opção, alguns se casaram e não deram certo, e há aqueles que nunca quiseram casar ou se envolver com alguém e são muito felizes. A vantagem de eu ser uma escritora solteira, por exemplo, é que consigo colocar as minhas ideias em prática e no papel e planejo melhor o meu futuro sem ficar dependendo da aprovação de ninguém. A maioria dos escritores ama ser solteiro, pois assim não desperdiçam tempo com algo que não acrescenta em nada.

Muitas pessoas ainda preferem seguir os conceitos estipulados pela sociedade às mulheres, estudar, casar e formar uma família, porém nem todas têm este mesmo pensamento. Estudar sem ter que pedir licença, trabalhar pelo prazer de conquistar seu próprio dinheiro, realizar seus sonhos na certeza de que isso te deixa totalmente realizada faz toda a diferença.

Muitas pessoas acham que as mulheres solteiras estão assim por falta de oportunidades na vida ou porque teve no passado alguma frustração, mas não conseguem entender que muitas amam ser solteiras e não tem interesse nenhum em ter um parceiro. A solidão não é característica da solteirice, tanto é que, há muitas pessoas casadas que se sentem completamente infelizes e sozinhas.

Particularmente eu me sinto muito feliz em ser solteira, e não foi por falta de opção, tenho vários amigos com anos de amizade, e me sinto apta a ir adiante à realização dos meus sonhos. Não me sinto só e nem tenho vontade nenhuma de ter um relacionamento ou de me casar novamente, não sinto esta falta, pois me sinto completa.

É uma pena que muitas pessoas pensem que ser solteira é sair atirando para todos os lados, carente de amor ou de ter alguém do seu lado, não, isso é atitude de pessoas vazias que não gostam da sua própria companhia e necessitam se sentir completas com alguém ao seu lado. Infelizmente ainda há muitas pessoas, que preferem ter alguém na vida, mesmo sabendo que não são amadas ou respeitadas, acabam sofrendo com isso, mas não abrem mão do relacionamento. Prefira antes um bichinho de estimação que sempre que te ver irá ficar abanando o rabo ou feliz por saber que você está ali fazendo companhia a ele, do que ter alguém que te considera um ser invisível e não te admira ou apóia.


Aprenda a ser solteira, não significa viver na solidão, e sim ser feliz e completa consigo mesmo. E viva a solteirice!

Artigo protegido pela Lei 9.610 de 19 de fevereiro de 1998. É PROIBIDO copiar, imprimir ou armazenar de qualquer modo o artigo aqui exposto, pois está registrado.

Licença Creative Commons
O trabalho A vida de solteira é ótima de Marisa Fonseca Diniz está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://cafesonhosepensamentos.blogspot.com/2017/05/a-vida-de-solteira-e-otima.html.


Nenhum comentário:

Postar um comentário