Natal, os doces mais tradicionais ao redor do mundo

No dia 25 de dezembro se comemora o nascimento de Jesus Cristo para a maioria dos cristãos ao redor do mundo. O Natal para muitas culturas é um dia onde há trocas de presentes, cartões, músicas natalinas e ceia.

As crianças se divertem com a festa e ficam ansiosas para comer os doces tradicionais do Natal, além da abertura dos presentes. Vamos conhecer alguns doces tradicionais das mais diversas culturas ao redor do mundo.

Dinamarca: Æbleskiver é um doce típico dinamarquês feito com farinha de trigo, leite, ovos, manteiga, açúcar e uma pitada de sal. Tradicionalmente estes bolinhos são recheados com pedaços ou creme de maçã são polvilhadas com açúcar, e servidas com geleia de framboesa, morando ou amora silvestre.



Hungria: Beigli é um rocambole doce servido no Natal, onde o recheio pode ser dos mais variados, mas os tradicionais são de sementes de papoula e nozes.



Suécia: Pepparkakor são biscoitos de gengibres típicos do Natal suecos cortados em forma de estrelas, coração e bichinhos, e que podem ser decorados ou não.



Ucrânia: Kutya este doce é servido como sobremesa após a ceia de Natal na Ucrânia. É um tipo de pudim mole de trigo e papola.


Grécia: Melomakarona é um bolinho em formato de ovo feito principalmente de farinha, azeite, raspas de laranja, canela, mel e outros ingredientes.



França: Bûche de Noël é uma sobremesa típica de Natal francesa, que consiste em uma massa de pão de ló, enrolada como rocambole recheada de chocolate e creme manteiga, além de serem decorados como se fosse um tronco de árvore.






Nenhum comentário:

Postar um comentário