Dicas de leitura - Holocausto


O holocausto foi o genocídio em massa de cerca de seis milhões de judeus durante a Segunda Guerra Mundial, patrocinado pelo Estado Nazista liderado por Adolf Hitler e pelo Partido Nazista.


Há diversos livros que falam sobre os horrores da guerra, incluindo as experiências de pessoas que sobreviveram e outros que não conseguiram sair vivo desta catástrofe preconceituosa, onde várias pessoas inocentes morreram em nome de uma raça pura.




O Menino do Pijama Listrado foi escrito em 2007 por John Boyne, o livro conta a história de um menino de oito anos que tenta entender o que acontece ao seu redor em Auschwitz durante a Segunda Guerra Mundial e o Holocausto. É uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, entre um garoto judeu e um alemão.




Os Meninos do Brasil é um romance publicado em 1976 pelo escritor norte-americano Ira Levin. O livro conta a história de Yakov Liebermann um velho caçador de nazistas baseado em Viena, onde comanda um centro que recolhe documentação sobre crimes contra a humanidade perpetrados durante o Holocausto.









O Diário de Helga escrito por Helga Weiss, conta o relato de uma viveu entre 1938 a 1945 expondo as barbáries do holocausto que testemunhou nos campos de concentração de Terezin e Auschwitz na Segunda Guerra Mundial.








Depois de Auschwitz é um emocionante relato da escritora Eva  Schloss que sobreviveu ao holocausto depois ter ficado no campo de concentração de Auschwitz presenciando o horror da guerra. Ela perdeu o pai e o irmão que tanto amava, e sobreviveu juntamente com sua mãe, que depois da guerra viera a se casar com o pai de Anne Frank.



O Diário de Anne Frank foi escrito pela própria Anne Frank no período de 12 de junho de 1942 a 1 de agosto de 1944 durante a Segunda Guerra Mundial. Escondida com sua família e outros judeus em Amsterdã durante a ocupação nazista nos Países Baixos, ela relata a vida deste grupo de pessoas. Em 4 de agosto de 1944, agentes da Gestapo detiveram todos os ocupantes que estavam escondidos em Amsterdã. Anne foi separa de seus pais e levada ao campo de concentração Bergen-Belsen, onde veio a falecer com então 15 anos.



O Homem que Venceu Auschwitz é uma história real contada por Denis Avey e Roby Broomby. É  a história de um soldado britânico que se infiltrou no campo de concentração de Auschwitz no verão de 1944. Denis Avey trabalhava num campo de prisioneiros de guerra próximo ao campo de concentração Buna-Monowitz. Traçou um plano para trocar de lugar com um prisioneiro judeu e infiltrou-se no campo, onde foi a testemunha ocular da barbárie por lá ocorrida.


Nenhum comentário:

Postar um comentário